O Projeto de Apoio ao Programa Fronteiras da CEEAC cofinanciado pela União Europeia (UE) e pelo Governo alemão serve de quadro de celebração do Dia Internacional da mulher 2021 em Bitam, sob o tema : « Mulheres, Fronteiras e Covid-19 »

Março 9, 2021

Bitam, 08 de Março de 2021- O Dia Internacional da mulher, celebrado todos os anos em 8 de Março, tem este ano por tema a “Liderança feminina: Por um futuro igualitário no mundo da Covid-19». Através deste tema que incita à liderança formal e à igualdade das mulheres no planeta, o mundo celebra as mulheres que estão na primeira linha na luta contra a pandemia mundial.

General Marcel Yves MAPANGOU MUSSADJI, Coordenador do Programa Fronteiras da CEEAC

Assim, no quadro das atividades do Projeto de Apoio ao Programa Fronteiras da CEEAC (APF-CEEAC) cofinanciado respetivamente pela União Europeia (UE) e pelo Ministério alemão dos Negócios Estrangeiros, em cerca de 11 milhões de euros e 2,25 milhões de euros uma atividade sob o tema « Mulheres, Fronteiras e COVID-19 » é organizada em 08 de Março de 2021 na zona fronteiriça de Bitam. Trata-se de uma atividade conjunta entre a Comissão Nacional das fronteiras do Gabão (CNF), o Ministério da Saúde do Gabão e a CEEAC, através do Departamento : Assuntos Políticos, Paz e Segurança.

Nota-se efetivamente que a pandemia Covid-19 teve um impacto particular sobre as mulheres no mundo, nomeadamente no plano da paz e da segurança. Nas regiões fronteiriças, muitas mulheres viram-se na impossibilidade de satisfazerem as suas necessidades na falta de rendimentos que provêm das pequenas trocas fronteiriças que as mesmas realizavam antes do encerramento oficial das fronteiras em consequência da pandemia. Por outro lado, as mulheres assumem normalmente uma grande parte da responsabilidade da luta contra a pandemia a diferentes níveis: enquanto pessoal da saúde, esposas e mães que asseguram o bem-estar familiar, elas assumem a grande parte da educação em casa e, são de igual modo líderes de associações de mulheres.

Uma visão dos participantes

líderes de associações de mulheres. Por outro lado, a pandemia expõe-lhes a diferentes ameaças : um risco acrescido de violência conjugal, mas também da parte das forças de segurança, uma corrupção e violência acrescidas nas fronteiras, em particular no contexto de passagens clandestinas das fronteiras em virtude da situação económica difícil e das capacidades eventualmente reduzidas das forças de segurança do Estado.

Os objetivos desta atividade conjunta são : sensibilizar os representantes das organizações femininas que evoluem na localidade fronteiriça de Bitam sobre a COVID-19 e debater sobre a liderança das mulheres para fazerem face à crise sanitária ; informar os grupos alvo da localidade fronteiriça de Bitam (Autoridades locais, representantes das Forças de Defesa e de Segurança, Associações de mulheres, lideres religiosos, chefes de bairros, responsáveis dos países amigos, sobre as principais atividades do Programa APF-CEEAC que serão implementadas principalmente na fronteira Gabão-Camarões e Gabão-Congo ; identificar os potencias atores na zona, suscetíveis de colaborarem com o Projeto APF-CEEAC, nomeadamente nas atividades de sensibilização e de reforço das capacidades das mulheres.

Cerca de 60 delegados provenientes respetivamente das associações de mulheres e outros atores chave da localidade fronteiriça de Bitam, da CEEAC, CNF, Ministério da Saúde (Cpil) assim como as autoridades locais, representantes dos serviços do Estado nas fronteiras, participam nesta atividade que visa a criação de espaços seguros para as mulheres afetadas pelos efeitos secundários da pandemia.

Para mais informações :

CEEAC :

General Marcel Yves MAPANGOU MUSSADJI, Coordenador do Programa Fronteiras da CEEAC

Email : marcel.mapangoumoussadji@ceeac-eccas.org

Uniao Europeia

Luis Moratinos, Encarregado de Programa

Email : Luis.MORATINOS@eeas.europa.eu

GIZ :

Roman Meyer, Chefe de Projeto

Email : Roman.meyer@giz.de